Home » , , » Americana diz evitar o retorno de cancro bebendo a própria urina

Americana diz evitar o retorno de cancro bebendo a própria urina

Carrie Steele é a protagonista de uma história bastante insólita. Esta americana de 54 anos, garante ter impedido o retorno de um melanoma (tipo maligno de cancro) de uma forma algo incomum: bebendo a própria urina. E, para deixar a história ainda mais esquisita, a mulher optou por esta forma de tratamento após, segundo ela, ter um sonho “profético”, conforme noticiou o jornal inglês “The Sun”.

Tudo começou em 2006, quando Carrie sofreu um aneurisma e, em seguida, foi diagnosticada com o melanoma no cérebro. A doença, contudo, acabou entrando em remissão, o que ela credita ser devido a algumas terapias alternativas que pôs em prática. Só que, pouco depois, a americana voltou a sentir dores muito fortes na cabeça, e tanto Carrie quanto os médicos tiveram receio de que o cancro pudesse retornar.

Foi em 2008, durante um sonho, que a americana diz ter sido instruída a beber o próprio xixi. Após uma rejeição inicial, Carrie pesquisou sobre a urinoterapia, ignorou o nojo e decidiu arriscar. Em apenas 30 dias, todas as dores que ela sentia tinham desaparecido. 

“Eu gosto do xixi quente. É reconfortante”,revelou Carrie, que participou do programa “My strange addiction” na televisão americana.

Desde então, Carrie bebe até cinco copos de urina por dia e até a escova os dentes com o líquido. Ela também usa o xixi como hidratante e para, nas palavras da própria, “dar um brilho extra aos cabelos”.

Um médico chegou a alertar a americana para o fato de que o hábito incomum poderia fazer mal à saúde, levando a mulher a interromper a prática. No entanto, bastou que as dores de cabeça ameaçassem voltar para que ela retomasse o “tratamento” alguns meses mais tarde.

“Às vezes tem um gosto salgado, às vezes tem gosto de champanhe de ameixa... Hummm, talvez um toquezinho de limão”, afirma Carrie Steele.

*Fonte

Comentário(s) :

0 comentários:

Enviar um comentário

Subscrever o Blog